POUCO TEMPO PARA REFLETIR

A atenção hoje é um tema em pauta. Muitas pessoas reclamam do déficit de atenção, outras da hiperatividade. Alguns se automedicam sem nenhum critério, outros buscam soluções mágicas na medicina medicalizante. A distração é um fato. Diante de uma enorme quantidade de estímulos e exigências do contemporâneo, o foco atencional está constantemente “lutando” contra as distrações, tanto internas quanto externas. Neste mar de informações e mensagens, sons que avisam a chegada de novas mensagens, as pessoas pulam de uma mensagem para outra, lendo, ouvindo e vendo as imagens, mas, não conseguem refletir a respeito do que realmente elas significam. Em 1977, o economista vencedor do Nobel Herbert Simon, escreveu sobre o mundo que estava se tornando rico em informações e alertou para o fato de que, o que a atenção consome é ” a atenção de quem a recebe. Eis por que a riqueza de informação cria a pobreza de atenção”.

Abraços   ****

Vivi

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *