A COMPAIXÃO É POSSÍVEL

Virtude significa excelência. Ser virtuoso é deixar que a excelência se manifeste. A potência já nos foi dada, ela já existe, nos falta apenas acreditar, conectar, cultivar. Virtude é algo que se cultiva, como uma planta, na desnutrição ela perece e morre. Qualquer pessoa pode se tornar um sábio da compaixão, mas, para tanto é necessário treinar a habilidade de ser compassivo. Como toda a habilidade, para ela se revelar na sua excelência é preciso dedicação, treino permanente, vigilância, entrega, paciência pedagógica, humildade, coragem. A prática constante é que nos permite a perfeição. “Se perseverarmos, também poderemos nos tornar uma força do bem no mundo”, como sabiamente afirma Karen Armstrong.Os nossos fracassos não podem ser motivo para desânimo, mas, sim oportunidade de aprendizagem. Em nossos erros podemos encontrar a força da realização,do aperfeiçoamento para a maturidade. Quando sentimentos de desânimo, impotência, incompetência assolarem a nossa alma, se o fogo da boa vontade estiver aceso em nosso interior, poderemos alquimicamente transformar nossas tristezas frente à nossa incompletude, em incentivo para nutrir o nosso esforço saltando para uma nova camada de consciência. Mesmo vivendo em um mundo conturbado, dividido, paradoxal, sabemos que muitas pessoas foram capazes de alcançarem níveis heroicos de empatia, de capacidade de perdoar e de preocupação com todos os seres. Quando somos capazes de servir ao nosso próximo de bom coração, somos capazes de servir a nós mesmos e isto se chama Liberdade.

Abraços   ****

Vivi

Deixe um comentário