VIDA COTIDIANA

Todos os dias as rotinas do cotidiano se repetem numa continuidade,  dia após dia. Imersas nos afazeres das tarefas, driblando para selecionar as prioridades e as urgências, as pessoas correm o risco de caírem nos automatismos, sempre à espreita. Passam os dias, as semanas, meses e anos e tudo parece manter as mesmas rotinas. No entanto, apesar do sol nascer todos os dias e a noite chegar todas as noites, e o céu e as nuvens e os ventos comporem as paisagens, as rotinas massacrantes das urgências que atropelam o tempo, impedem a consciência humana de perceber que o sol nasce diferente a cada dia e se põe diferente, e as luas se diferenciam por sua própria natureza, e as cores, e o céu, e os ventos e os cantos mudam a cada instante. Momento a momento o mistério da vida cria novos espetáculos que passam imperceptíveis de uma consciência agitada, ansiosa e egoísta. Cada instante da vida se apresenta renovado. Uma vida vivida no cotidiano que pode ir além das rotinas, apesar delas, tem a possibilidade de transfigurar a consciência. Quando a consciência da magnitude renovadora da vida, conecta a alma com a “alma” do mistério sagrado da vida, esta consciência abarca o infinito valor de cada instante da vida cotidiana.

Abraços   ****

Vivi

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *