UM POUCO DE ALEGRIA

 “Evitemos as paixões tristes e vivamos com alegria para ter o máximo de nossa potência; fugir da resignação, má-consciência, da culpa e de todos os afetos tristes.” Gilles Deleuze –  Ter a consciência e a lucidez no presente para recusar tudo que possa macular nosso coração e nossa mente, impedindo que a nossa capacidade de compreensão amorosa possa estar sempre viva, pulsante e vitalizada como uma escolha comprometida com um viver na potência e na magia da alegria.

Abraços ****

Vivi

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *