SOLUCIONAR  OU  PUNIR

Um simples pergunta: o que queremos, na vida pessoal e social –  solucionar ou punir?  Encontrar soluções viáveis ou castigar pelo castigo? Culturalmente as relações foram intensamente  pautadas na punição. A história evidencia  a crença irrestrita na punição. Acredita-se que punir e castigar aquele que cometeu uma ofensa ou um ato contrário aos parâmetros culturais deve ser punido, castigado, isolado, torturado e até eliminado. A mesma história evidencia que esta conduta gera mais confrontos e não traz nenhuma possibilidade de solução. A vontade de punir e castigar tem estado arraigada nos discursos, nas narrativas, no comportamento das pessoas e tem sido,  intensamente utilizada pelas mídias nas “falsas verdades”, gerando mais confronto e nenhuma solução. O espetáculo do castigo, pode favorecer as crenças fascistas que servem à guerra em nome da paz. Se queremos um mundo com mais dignidade e respeito, se queremos um mundo mais digno para os nossos filhos, nossos netos e para os netos dos nossos netos, precisamos querer compreender, querer ouvir para compreender, dialogar honestamente e encontrarmos juntos soluções para as vaidades humanas.

Abraços   ****

Vivi

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *