POR FAVOR, TENHA PACIÊNCIA ….

Em tempos desafiantes como temos vivido, onde os ânimos se alteram a cada dia, as respostas de acidez agressiva estão por toda parte, os gestos se evidenciam abruptos, as vozes são de mando e intolerância, a agitação está de mãos dadas com a ansiedade e o mundo perde sua hospitalidade para abrir as portas da hostilidade, tudo que precisamos para não adoecermos é ir ao encontro dos antídotos. Para neutralizar a raiva que paira nos ares, precisamos treinar a paciência.Dizem que crise é oportunidade. Então, estes tempos nos oportunizam treinar a nossa paciência. Paciência é uma virtude, que nem todas as pessoas são portadoras. A questão é que, se não estivermos atentos, a agressividade dos ambientes nos contagiam e perdemos o bom senso, colocando em risco as pessoas e o nosso próprio ser. É quando a doença raivosa do coletivo  pode nos atingir e adoecemos juntos. Cultivar nos pequenos momentos do cotidiano a capacidade da paciência, do saber esperar, do pausar para refletir, para que a raiva, alimentada pela ansiedade não nos contamine. Cultivar um estado de disponibilidade, para amorosamente compreender a si e ao mundo, e ao mesmo tempo agir com firmeza e precisão, na medida certa. Então, por favor tenha paciência!!! Paciência não é negligência, mas, é saber ver, ouvir, refletir para agir. Às vezes agir é recuar, às vezes agir é dar pequenos passos à frente, às vezes é mudar a direção, às vezes é saber esperar a oportunidade mais auspiciosa. A virtude da paciência é um estado mental de presença a ser cultivado nas pequenas coisas do viver, diante dos acontecimentos, em nossa vida interior e exterior. Lembrar que apesar de todos os obstáculos, sempre temos oportunidade para aprender,para nos tornarmos humanos com mais dignidade e ainda, poder oferecer aos outros o nosso melhor.

Abraços    ****

Vivi

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *