PEQUENAS CORRUPÇÕES

Das pequenas corrupções do dia a dia nascem as grandes corrupções. O corrupto é aquele ou aquela que já negou o seu “coração”, o seu “cor”. É aquele que corrompe o seu “coração”. Desprovido de qualquer escrúpulo, apenas movido por um ego interesseiro, o corrupto não faz cerimônia, ele se vende, se prostitui por qualquer preço e nestes tempos, os preços tem sido muito altos. Prestígio e dinheiro fácil é o que move o “coração” e o “espírito” do corrupto e do corruptor. Um ser egoísta ao extremo. Para corromper o outro, roubando a sua dignidade ele primeiro rouba a si mesmo e a sua dignidade. Esta tem sido uma doença altamente contagiosa que só uma mente atenta pode captar, perceber e tomar uma posição: dizer “sim” ou “não”. São as pequenas corrupções, as pequenas enganações, as pequenas mentiras que traem a alma. Aqui nem as religiões, nem as leis, nem as normas, nem os contratos, nem a tradição consegue estabelecer limites e fronteiras porque a o ego, o desejo fala mais alto e escolhe se corromper e perder a sua dignidade. Atenção!

Abraços   ***

Vivi

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *