OPINIÃO ALHEIA

As sábias palavras do grande mestre Shantideva, são eternas: “Por que devo me alegrar quando as pessoas me elogiam? Haverá outros para desdenhar e criticar. E por que ficar desesperado quando culpado, já que haverá outros para pensar bem a meu respeito?” É natural e humano querer e buscar o respeito e a estima das pessoas, mas, ficar na dependência do que os outros pensam é gerar sofrimento para si mesmo. A cultura valoriza a importância da nossa reputação, afinal as nossas decisões influenciam as escolhas daqueles que estão à nossa volta, podendo prejudicá-los ou ajudá-los. Certamente, as decisões que tomamos, devem ser fruto de reflexão e discernimento, bom senso, considerando a importância de colaborar com a felicidade e o bem estar de todos, dos mais próximos aos mais distantes. Contudo, ser capturado pelas armadilhas da vaidade,  do orgulho ou prepotência,  ou ainda daquilo que os outros dizem a nosso respeito, que nem sempre condizem com a realidade, é ser vítima de suas próprias mazelas infantis que impedem o verdadeiro crescimento pessoal. O orgulho como a baixa autoestima, obstaculizam a maturidade. Estar atento às manobras egóicas para conquistar admiração e elogios, requer o fortalecimento de um eixo interno, fruto de um processo permanente de reflexão e autovigilância. O importante é fazer o melhor dentro do possível das contingências, é ser honesto consigo, com os outros e com o mundo, alimentando suas virtudes, benevolência e sabedoria. Portanto, não se preocupe com as opiniões alheias, afinal sempre haverá uma pessoa a nos elogiar, como haverá uma pessoa para nos criticar. Faça o seu melhor sempre, com toda a sua boa vontade e reta conduta.

Abraços    ****

Vivi

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *