O QUE NOS RESTA ….

Talvez o que nos resta e aqui se encontra a liberdade do espírito humano, é acreditar na esperança que existe do outro lado da vingança. Acreditar que um outro lado pode ser alcançado, acreditar que a cura existe, mesmo escondida em seus disfarces, em algum momento ela pode emergir e transformar. Entre o ódio e o perdão, há um espaço de escolha que a consciência pode acessar. Este é o espaço da liberdade. Negar a si mesmo o espaço da esperança, é negar a sua própria liberdade. É negar um universo de possibilidades. A esperança é aquela instância da consciência plena que se esforça para ser íntegra no pensar, no sentir e no agir e jamais se abster  de sua humanidade em processo permanente de humanização.

Abraços   ****

Vivi

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *