INCESSANTES FLUXOS …

Pensamentos como sensações, estão constantemente passando pela nossa cabeça e com eles as incontáveis fantasias que criamos, gerando emoções e mais sensações, encadeando outros pensamentos. Este fluxo incessante, nos impede de ver a realidade tal como ela é, comprometendo a qualidade da nossa presença em tudo que fazemos. Seria possível ficarmos livres destes obstáculos, cujas fantasias nos fazem acreditar em ilusões criadas pela nossa mente, sem nenhuma conexão com a realidade?  Ao invés de cedermos a este alucinante fluxo, que permanentemente nos engana, se conseguirmos sentar, mantendo calma e serenidade na mente, colocando atenção no pulso respiratório, teremos uma chance de começarmos a perceber este jogo criado pelas ilusões da mente e então, poder manejá-lo. O controle da respiração e a sustentação de uma postura adequada, é fundamental nesta prática disciplinar. Quando isto acontece, uma “alegria indescritível” tende a brotar naturalmente do nosso coração, alimentando a prática com tenacidade, para continuar investindo nosso tempo e nosso esforço, cultivando nossa capacidade de sermos benevolentes, compassivos, amigos de nós mesmos e equânimes. Ao transcendermos nossos instintos mais primitivos de sobrevivência e autoproteção, é possível acessar um novo estado de consciência, que já faz existe em cada ser humano, mas que fica encoberto pelos véus da ilusão.

Abraços    ****

Vivi

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *