GRATIDÃO SERVIÇO E RESPONSABILIDADE

Agradecer, servir e responsabilizar, são ações que nunca deveriam ser negligenciadas pela pessoa humana. A natureza nos oferece inúmeras dádivas ao longo da nossa existência, mas quase nunca lembramos de agradece-la. Na velocidade dos nossos dias, nos condicionamentos do viver automatizado, a gratidão não tem espaço, nem aparece em nossa tela mental, como se fosse uma obrigação inevitável do próprio universo. Agradecer de coração livre e humilde, talvez ainda seja algo que precisamos educar em nossos corações, afinal a natureza como as inúmeras pessoas colaboram com seus talentos, conhecimentos e esforços, para que possamos existir no estar junto. Servir, talvez seja nossa prioridade existencial, sem a qual não haveria sentido e significado a existência. Servir ao outro, na entrega amorosa, generosa e confiante, sem esperar nada em troca, é um grande passo na maturidade espiritual, sem a qual nosso conviver fica empobrecido. Responsabilizar-se por nossas escolhas, nossas decisões, nossas atitudes, nossa forma de ser e estar neste mundo, está diretamente vinculado à forma ética de viver, um compromisso auto-deliberado no exercício da plena liberdade da consciência humana. Aqui nasce a compaixão que em tempos de grandes mudanças, clama pedindo passagem para ser cultivada, nutrida em pensamento, palavra e ação. Nossos corações ainda não sabem muito bem como ser compassivos, mas a compaixão faz parte do humano, basta apenas querer acessá-la.

Abraços   ****

Vivi

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *