DO SOFRIMENTO À COMPAIXÃO

Há lentes que só conseguem ver sombras e escuridão, mas há lentes que se voltam para a luz e a claridade. Boa vontade para querer aprender, é a manifestação de um olhar que consegue perceber a  claridade dentro da obscuridade. Os momentos mais desafiantes da vida são também os momentos de grande aprendizagem. O sofrimento porta em si muitos ensinamentos. Ele é um grande mestre da compaixão. A relutância pelo não envolvimento, tem um certo sabor de negação do sofrimento, que nega a compaixão.  A experiência da dor pode inspirar o ser compassivo. Tudo é uma questão de lentes, referenciais. Na história da humanidade, inúmeras pessoas são  exemplo da capacidade de transformar os infortúnios em expansão de consciência. O estão as chaves que podem abrir os corações e as mentes das pessoas ?

Abraços   ****

Vivi

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *