CULTURA – UM GRANDE DIFERENCIAL

Com a publicação de A ORIGEM DAS ESPÉCIES pelo naturalista inglês Charles Darwin (1809 – 1882), propondo a teoria da evolução, ficou claro que nós seres humanos somos uma espécie como as outras. A diferença principal entre a nossa espécie e as demais é a cultura. O eixo fundamental da teoria de Darwin é a seleção natural como fator determinante da evolução orgânica. Contudo, o surgimento de novas técnicas de análise de material genético, a partir de 1930, apresenta a transmissão de genes durante a reprodução, para a próxima geração, estando sujeita a uma seleção, uma vez que alterações no DNA influem na viabilidade ou na fertilidade de cada indivíduo. A chamada “síntese moderna” evidencia o casamento entre a evolução e a genética, com o desenvolvimento da bioinformática e da nanotecnologia, dentro do cenário das grandes revoluções científicas. Mas não é só, pois a cultura é um fator preponderante, nos distinguindo de outras espécies. É através dela, das informações adquiridas por meio do ensino, da imitação e de tantas outras formas de aprendizagem social , que o comportamento humano é afetado. A cultura inclui conhecimentos, linguagens, crenças, valores e habilidades que se expressam no comportamento humano  e nos artefatos produzido pelos humanos. Num verdadeiro processo interativo entre a biologia e a cultura, onde ambas sofrem influências mútuas, a evolução vai seguindo o seu  fluxo natural

Abraços    ****

Vivi.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *