CRISE SEM VISÃO

Em meio a tantas crises existentes na modernidade global, ter uma visão de futuro sustentável é mais que necessário é fundamental, imperativo. Desprovidos de uma consciência reflexiva e ponderada, não será possível lidar com a total desorientação apresentada pela nossa atualidade. Estamos diante de um cenário onde a escassez de recursos tem sido crescente, em meio ao aumento da poluição e crescimento demográfico, gerando na pessoa humana falta de confiança em si, em seus líderes e suas instituições. Este quadro desafiante pode ser gerador de anarquia social, fanatismo religioso e domínio autoritário. Se quisermos evoluir em nossa humanidade viva, imersa num organismo vivo, precisaremos avançar rumo ao amadurecimento planetário. Sabemos igualmente que esta maturidade ocorrerá no indivíduo, no cidadão, em cada pessoa humana e no seu entorno, através do cultivo permanente de uma visão de futuro sustentável, cooperativa e responsável. Uma sustentabilidade civilizacional que seja assegurada pela integridade de suas bases físicas, sociais e espirituais sobre as quais se assenta. Daí a importância fundamental de se aprender com a história da nossa jornada evolutiva, e se negar a repetir os erros cometidos, os inúmeros equívocos  fruto de escolhas equivocadas e impulsivas, onde a capacidade de reflexão, bom senso e discernimento estiveram ausentes ou eclipsadas. Negar-se a refletir e alimentar a concórdia, negar-se à retaliação que tanto tem nos destruídos como humanos, é uma ato de coragem, humildade e perseverança. É um ato de dignidade e fé, na capacidade regeneradora da vida e da nossa humanidade comum.

Abraços    ****

Vivi

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *