COMPAIXÃO

Pensar em compaixão é também pensar em autocompaixão. A compaixão é uma experiência pessoal de atenção, amabilidade, motivação e clareza de intenção. A compaixão inicia no interior de uma mente e de um coração compassivos, a partir de uma compreensão que impulsiona uma ação empática, solidária, altruísta com grande bondade amorosa.  A compaixão e a autocompaixão comportam uma dimensão cognitiva, afetiva, motivacional e intencional. A atenção é fundamental para uma atitude compassiva. As distrações, as dispersões, as agitações das rotinas cotidianas roubam a força da compaixão. Falar em compaixão, é diferente de ser compassivo consigo e com as pessoas. Pense nisto!

Abraços   ****

Vivi

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *