CENTRALIDADE DA VIDA

A comunidade humana pertencente à Casa Comum, vivendo e convivendo na mesma crosta terrestre, respirando o mesmo ar, bebendo das mesmas águas, se alimentando dos frutos da mesma terra e do mesmo sol, se encontra diante de um mesmo desafio: ou colocamos a vida na centralidade de nossas escolhas ou seremos todos tragado pela “peste”. Não há outra opção, ou colocamos a preservação da vida, em todas as suas manifestações incluindo a vida do planeta ou seremos dizimados. Estamos diante de um dilema ético, e aqui chegamos porque não respeitamos ao longo da nossa história humana a ética da vida. Neste momento a escolha está centrada entre o lucro proposto pelo capital e todo o sistema capitalista que deteriora a vida e destrói a sustentação da vida no planeta ou mudamos a nossa conduta e passamos a ter a preservação da vida como ordem prioritária. Sempre é bom lembrar que, a vida humana no planeta Terra corresponde a 0,01% de tudo que aqui vive!

Abraços   ****

Vivi

Deixe um comentário