A PRESENÇA DE UM MESTRE

Aprendemos uns com os outros e é junto que podemos edificar uma história pessoal mais consciente de si e do mundo ao nosso redor. Neste processo de autoconhecimento e aprendizagem de si e do mundo, ter referências confiáveis e orientadoras desta jornada pessoal e existencial, é de fundamental importância. Neste sentido, o verdadeiro “mestre”, o “orientador” é aquela pessoa que aponta os caminhos luminosos que permitem abrir os espaços  internos para o discernimento , a compreensão amorosa, a aceitação da realidade e a capacidade de ser responsável perante as instâncias que dependem absolutamente da vontade pessoal. O verdadeiro mestre é aquele que age pela sua presença, que orienta pela atitude, pelo exemplo, no silêncio da sua benevolência.

 

Abraços    ****

Vivi

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *