A MOTIVAÇÃO QUE COLORE

“Onde está a nossa atenção, aí está a nossa realidade.” Esta afirmação de William James continua viva, quando traz a importância da qualidade da atenção sobre a realidade da existência. O que anima o nosso comportamento? O que oferece vitalidade às coisas que fazemos em nosso viver? O que faz a nossa “alma” brilhar com entusiasmo comprometido quando realizamos algo? Mesmo que este algo exija de nós empenho e dedicação, mas, jamais sacrifício, afinal não se trata de um peso, mas, de um sacro-ofício? É a motivação que alavanca nosso ser para realização de nossa potência. Quando disponibilizamos nosso potencial a serviço do bem-estar do outro e dos outros, com benevolência e bondade, com gentileza e solidadriedade, tudo se “ilumina” em nosso corpo e em nossa “alma”. É a clareza de propósito, de intenção, do valor da solicitude que dá cor à nossa vida. As cores estão ai, à disposição de todas as pessoas. Se desenhamos a nossa vida com o calor do entusiasmo e a vontade altruística de valorizar tudo o que vive, as cores do nosso viver serão mais intensas. Opaco, é o viver desconectado com o outro, aprisionado pelos padrões egoístas e individualistas das conveniências imediatistas. Brilhamos, sempre que cultivamos momento a momento a possibilidade de servir generosamente, com alegria empática a todos os seres vivos. É a qualidade da motivação que intensifica a cor da nossa alma refletida no brilho de nossos olhos e na luz de nossa face.

Abraços    ****

Vivi

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *